Descobrindo o Japão

Já sao mais de 10 anos no Japão e ainda não conheço nem metade do que se tem aqui e muito menos sei de tudo. É um aprendizado constante cheio de descobertas e desafios. O país é famoso pelos seus templos ricos em detalhes e seus castelos repletos de histórias, um encanto a parte.

Aqui existem muitos fatos curiosos e engraçados, vou relatar mais sobre isso em uma próxima oportunidade.

 

WhatsApp Image 2017-07-26 at 14.35.48
Templo no Japão

O clima do Japão costuma ser de extremos. O verão é bem quente e seco chega a 41C°,  sem vento, uma sensação horrível de que está em uma sauna o tempo todo. Já o inverno é muito gelado e é possível chegar a -5ºC. Na cidade em que moro neva por volta de 3 a 4 dias, mas há outras cidades que a temperatura é ainda mais negativa

Moro atualmente em Miyoshi-shi, uma cidade de 70 mil habitantes que fica a 335 km de Tokyo, capital do Japão. Por ser uma cidade não muito conhecida, sempre falo para as pessoas que moro em Toyota, que fica a 5 minutos de carro de onde eu moro. Também é possível ir de trem comum ou trem bala para Tokyo.

Apesar de ser pequena, tem muitos brasileiros morando por aqui. E para facilitar a vida dos estrangeiros em geral, quase todos os serviços públicos, incluindo hospital, tem intepretes! Os caixas eletrônicos também disponibilizam o português como opção de língua.

Outra cidade muito conhecida, e grande, aqui perto é Nagoya, fica a cerca de 20 minutos  de carro. La é possivel visitar o Castelo que tem mais de 400 anos e fica lindo na época que as cerejeiras (famoso Sakura) florescem, geralmente final de março a começo de abril. Outra atração é o aquário! Tem show de golfinhos e as crianças adoram. A entrada é gratuita para crianças até 4 anos. O lugar que mais frequento é o Kamimaezu, que é estilo uma galeria com diversas lojas, pode-se comprar de tudo por lá!

arroz japones
Makizushi – bolinho de arroz decorado

A cultura japonesa é muito rica em detalhes e a gastronomia é uma arte a parte. Existem cursos, livros e afins para aprender a fazer da comida uma obra de arte. Dá até dó de comer.

Nas escolas, tem dias que as crianças precisam levar obentô (marmita). As comidas sao verdadeiras obras de arte, totalmente decoradas. Por isso, fiz um curso de Makizushi, que é muito interessante, principalmente para quem tem filhos em idade escolar como eu tenho.
As crianças precisam cuidar da escola, existem muitas regras e horários. Existe um rodízio de tarefas para cada um no qual eles próprios limpam o banheiro, a sala de aula, servem o almoço, dentre outras atividades. Esses cuidados destinados as crianças é uma das coisas que mais me encanta aqui. O método de ensino deles apesar de ser rígido, no meu ponto de vista, é bem compreensivo.

Antes de ter filhos não gostava de morar aqui, mas hoje com as crianças, não pretendemos mais voltar ao Brasil.

Perfil-6

Tatyanne é seu nome, mas todos a chamam de Taty (exceto sua mãe). É aquariana, gosta de novidades e tudo que é diferente. Foi para o Japão com seu esposo em 2007 e, desde então, continuam por lá, onde teve seus três tesouros: Tiago Kenzo, de 5 anos, Felipe Shinji, de 2 anos, e a pequena Pérola Yuna, de 10 meses. Tem um canal no YouTube com a sua cunhada que se chama Receitas da Mana e lá fazem receitas rápidas e práticas. Ama o mundo da culinária, mas não curte lavar louça não.

Anúncios

2 pensamentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s